Aluno

Milton Melo

Ano/Semestre de Ingresso

2015.2

Faculdade

Bahiana

Curso

Medicina 2015.2

1 – O que você achou do seu resultado do vestibular? Por que?

Melhor resultado no vestibular, impossível! Superei minhas expectativas conquistando o meu maior sonho, que era passar na Bahiana (além de ter passado também na FTC) , e hoje vejo que o curso MSL foi imprescindível para isso.

2 – Como era a sua rotina e metodologia de estudo?

Tinha muitas aulas durante o dia, e no tempo livre estudava em uma biblioteca, o que me ajudou muito, pois não ia pra casa, assim não tinha muitas maneiras de dispersão como dormir e assistir TV. À noite tentava estudar coisas mais leves até o sono chegar, em casa mesmo.

3 – Quais foram suas maiores dificuldades, tanto de matérias quanto de desafios externos?

Minhas maiores dificuldades eram física, matemática e humanas. O curso de Mateus me fez aprender física e matemática de maneira dinâmica, tornando até prazeroso fazer as questões semanais, com vontade de “saber tudo”. Nunca gostei de humanas, mas tive que forçar a barra e estudar mesmo os assuntos mais frequentes, além de procurar estar por dentro de questões atuais. A revisão de humanas que ocorreu na sala do MSL me ajudou muito também. Sentia muito sono e me distraía estudando em casa, e venci isso passando a estudar em uma biblioteca.

4 – Como foi o momento em que você viu que tinha sido aprovado?

Estava na estrada com meu pai, muito nervoso porquê sabia que o resultado iria sair, e com muito medo, pois achava que não iria passar. Até que uma amiga me ligou me dizendo ” você passou “. Não acreditei e tentei olhar a lista, mas quando uma prima minha veio me dar parabéns aí sim tive certeza. Meu pai começou a chorar e eu fiquei meio ” paralisado ” pois a ficha não caía, e acho que não caiu até hoje kkk.

5 – Quais você considera terem sido seus maiores acertos e erros nesse processo?

Meu maior acerto nos últimos 6 meses foi sair dos “estudos em casa” e passar a estudar em um biblioteca do cursinho. Meu foco e estímulo aumentaram bastante, via meus concorrentes estudando e isso me dava muito “gás”. Meu maior erro talvez tenha sido, à noite, perder muito tempo utilizando o celular. Às vezes não tinha “objetivos a cumprir” nesse período e estudava ” o que dava ” . Se tivesse traçado uma meta diferente para cada noite, teria estudado mais e perdido menos tempo.

6 – Como nosso curso contribuiu para a sua aprovação?

O curso MSL me fez enxergar as ” matérias inimigas “, tidas como as mais difíceis, que são matemática e física, com outros olhos. Mateus é um professor extremamente objetivo e atualizado, mostrando pra gente realmente o que cái e as mais práticas maneiras de resolução de questões, criando um diferencial muito grande em relação aos outros cursinhos de Salvador. Se tornou prazeroso e “desafiador” pra mim fazer as questões da semana, e com isso eu queria fazer todas, aprender tudo. Assim qualquer questão que pudesse cair no vestibular eu já tinha visto. Fiquei bastante seguro e preparado. Além disso, Teu, antes de professor, é um grande amigo para todos os seus alunos. Extremamente justo e humano, se preocupa, principalmente, que seus alunos tenham “amor no coração”, passando a confiança de que ” coisas boas irão acontecer “.

7 – Qual a sua avaliação das nossas aulas?

As aulas do MSL são dinâmicas, estimulam a contínua participação dos alunos, os deixam com vontade de saber tudo, de fazer todas as questões de sala e casa. A forma que Teu explica a teoria dos assuntos passa uma visão bem mais simples e clara, que os alunos não esquecem mais.

8 – Quem mais foi fundamental para a sua aprovação? Gostaria de dizer alguma coisa a essa pessoa?

Dentre tantas pessoas que participaram desse meu processo de pré-vestibular, devo um agradecimento especial a meu pai. Pude contar com ele para tudo e um pouco mais. Sempre me proporcionou quantas aulas fossem necessárias, com os melhores professores possíveis, me ajudou em todas as decisões, se preocupando até mais do que eu, dando muitos conselhos e opiniões. Como disse uma tia minha, é como se ele tivesse passado no vestibular junto comigo.

9 – Qual conselho daria para quem vai enfrentar vestibular?

Além de dar seu máximo em relação aos estudos de forma madura e responsável, sempre acredite que você é capaz. Independente do que você saiba ou não, ou do que seu concorrente saiba a mais do que você, vá para o vestibular com muita confiança e pensamento positivo.

10 – Quais os planos daqui pra frente?

Daqui para frente busco dar meu máximo durante a faculdade, pretendo ir além do que me será cobrado, conquistando diferenciais, de forma tranquila e prazerosa, para um dia me tornar um grande médico.