Aluno

Mariana Tourinho

Ano/Semestre de Ingresso

2017.1

Faculdade

Bahiana de Medicina

Curso

Medicina 2017.1

Turma MSL

2016.2

VÍDEO DEPOIMENTO

1- O que você achou do seu resultado no vestibular? Por quê?

Achei maravilhoso! Foi fruto de todo o meu esforço durante o ensino médio!

2 – Como era sua rotina e metodologia de estudo?

De manhã ia pra escola, sendo segunda e quarta aula o dia todo. Sempre dormia quando chegava da escola, depois pegava o pique e estudava das 15h ás 22 ou 23h, dependendo do meu cansaço. Nas segundas e quartas eu revisava bem pouco..sabia reconhecer meus limites. Sábado era meu dia pra sair e fazer minhas coisas, tinha prova de manhã e o resto da tarde/noite era sagrada. Dia de domingo eu estudava da manhã à noite. Minha metodologia se baseou sempre em muita questão e prestar atenção nas aulas. Anotar o que você

3 – Quais foram suas maiores dificuldades, tanto de matérias quanto de desafios externos?

Minha maior dificuldade sem dúvidas foi o sono e o cansaço. Tinha dias que precisava estudar, mas minha cabeça simplesmente não aguentava mais e meus olhos grudavam de sono. Sempre fui acostumada desde pequena com o ritmo dos estudos, então o pique nunca foi um problema pra mim, o pior mesmo era o cansaço. Humanas sempre foi minha dificuldade…e acho que linguagens também! Meu negócio é exatas e biológicas!

4 – Como foi o momento em que você viu que tinha sido aprovado?

Estava assistindo filme quando minha amiga me ligou e disse que a lista tinha saído. Eu tava sozinha em casa com a moça que trabalha aqui. Tremi e chorei muito, só conseguia pensar em ligar pra minha mãe e avisar.

5 – Quais você considera terem sido seus maiores acertos e erros nesse processo?

Meu maior erro sempre foi a falta de confiança. Enquanto os outros tinham fé em mim, eu sempre ficava insegura em relação aos resultados e se eu realmente iria conseguir alcançar meu objetivo. Considero o nervosismo – principalmente no ENEM – um erro grave também…mas que serviu de prova pra mostrar a importância do emocional ao longo do período pré-vestibular. Quanto aos meus acertos, sem dúvidas a minha disciplina. Eu sempre estudei desde o fundamental, e mesmo no 1o ano no Ensino Médio minha consciência sobre vestibular já estava alerta. Isso me ajudou a criar maturidade, experiência, e o mais importante de tudo: costume. O ritmo do terceiro pra mim não foi nada tão assustador justamente porque aquela rotina já me era comum.

6 – Como nosso curso contribuiu para a sua aprovação

Da melhor maneira possível. Aprendi a perceber os estilos de questões mais pedidas, a canalizar minha atenção para o que realmente importava, a enxergar as provas de uma maneira diferente.

7 – Qual sua avaliação das nossas aulas?

Minha avaliação é 10! Tanto o ambiente quanto a disciplina são ótimas! Teu é demais!

8 – Quem mais foi fundamental para a sua aprovação? Gostaria de dizer alguma coisa a essa pessoa?

Meus amigos, professores mais próximos e meus pais que tanto acreditaram em mim, suportando meu mau-humor, minhas crises de insegurança…Vocês foram fundamentais pra mim e essa conquista é NOSSA!

9 – Qual conselho você daria para quem vai enfrentar o vestibular?

Disciplina, calma e segurança. Ter confiança em si mesmo é fundamental, se não você vai a lugar nenhum. Calma pra lidar com o ritmo, o cansaço, o sono, a pressão…Disciplina pra não perder o foco e se deixar levar pelos fatores externos.

10 – Quais os planos daqui para frente?

Fazer novas amizades e aprender o máximo possível pra meu tornar uma médica de excelência!