Aluno

Ana Victória Couto

25/07/1998

Ano/Semestre de Ingresso

2017.2

Faculdade

Escola Bahiana de Medicina e Saúde Pública

Curso

Medicina 2017.2

Turma MSL

2017.1

1 - O que você achou do seu resultado no vestibular? Por que?

O resultado foi emocionante! Ver meu nome na lista e ainda com um desempenho muito além de qualquer sonho foi, de fato, surreal.

2 - Como era sua rotina e metodologia de estudo?

Primeiramente, eu sabia da importância da atenção e foco durante aulas. Isso me ajudou bastante. Sempre anotava o que era dito em sala. Em casa, pegava várias fontes (livros, sites e apostilas) e juntava com os rascunhos da aula, fazendo um resumo bem abrangente sobre o assunto, pois escrever sempre funcionou comigo para fixar os assuntos. Por fim, investia um grande número de questões, e não somente no modelo dos vestibulares que eu queria.

3 – Quais foram suas maiores dificuldades, tanto de matérias quanto de desafios externos?

Minha maior dificuldade em termos de matéria sempre foi a teoria da física, ficava muito confusa com o que as questões perguntavam e como traduzir o que era dito na aula. Ter o auxílio de Teu para entender os assuntos e interpretar a linguagem das questões foi crucial para meu desempenho. Dos desafios externos, o pior com certeza foi ter que abrir mão de alguns (não todos!) programas com a família, o namorado e os amigos para ficar estudando.

4- Como foi o momento em que você viu que tinha sido aprovado?

Eu estava sozinha, chegando na autoescola. Vi que meu celular estava recebendo milhares de mensagens por segundo e tive a certeza que a lista havia saído. Assim que abri e vi meu nome, meu primeiro pensamento foi ligar para minha mãe, que comemorou muito. Não gritei, nem chorei, fiquei super calma (não sei como!), só abri um sorriso enorme e comecei a falar mil palavras por segundo kkkkkkkkk

5 - Quais você considera terem sido seus maiores acertos e erros nesse processo?

Meu maior erro foi me entregar ao cansaço quando já estava perto da prova. Eu já não tinha vontade de ir pras aulas e só passava na minha cabeça que eu não estava preparada. Já o maior acerto, com certeza, foi correr atrás dos assuntos que eu tinha dificuldade e caiam muito, sem deixar de lado as matérias que eu já amava e tinha certa confiança no meu desempenho (redação <3)

6 - Como nosso curso contribui para a sua aprovação?

O curso sempre prezou por aprofundar pontos-chave dos assuntos, não tudo. O vestibular busca certos conhecimentos do aluno mais do que outros e Teu sabe interpretar exatamente quais são eles e como corresponder as expectativas da instituição. Além disso, a proximidade entre o professor e os alunos é algo maravilhoso e que nos impulsiona.

7 - Qual sua avaliação das nossas aulas?

As aulas são maravilhosas! O número de questões, a velocidade e o aprofundamento no primeiro momento assustam, mas logo depois a gente se acostuma e passa a amar. As resoluções de várias questões em sala, e de jeitos diferentes, ainda nos ajudam a encontrar um método que mais nos identifiquemos para adotar.

8 - Quem mais foi fundamental para a sua aprovação?

Minha mãe foi, de fato, a pessoa mais importante em todo esse processo! Esteve me apoiando de todas as maneiras possíveis, sempre com uma palavra de animo e me levantando nos momentos em que eu não acreditava em mim mesma, além dos incontáveis sacrifícios que fez por mim durante essa nossa jornada. Com certeza, essa aprovação não é só minha, é dela também. Meu namorado maravilhoso que foi muito paciente e compreensível, tentando sempre ouvir meus desabafos e me incentivando a estudar sempre "um pouquinho mais". Também minhas tias lindas que sempre estiveram orando por mim e aumentando minha moral. E, claro, gratidão máxima e eterna aos meus queridos mestres, em especial Tárcio e Teu, que compartilharam muitas de suas sabedorias (de vida, também!) e me fizeram acreditar que eu tinha potencial para chegar a sonhada aprovação.

9 - Qual conselho você daria para quem vai enfrentar o vestibular?

Confiem nas suas habilidades e invistam nelas. O momento certo existe para cada um, mas só vai agarrá-lo quem tem foco no grande objetivo. Abrir mão de algumas coisas temporariamente é natural nesse processo, mas é preciso ter equilíbrio em tudo. Tenham ao redor pessoas que querem ver o seu sucesso e lhe impulsionem sempre ao topo, isso é fundamental principalmente nos momentos de cansaço. No mais, aproveitem para retirar muitas lições das experiências vividas. Todo empenho será logo logo recompensado imensamente!

10 - Quais os planos daqui para frente?

Curtir muito o curso e a faculdade dos meus sonhos, me dedicar aos projetos que almejei durante muito tempo e aproveitar para desenvolver vários outros sonhos, profissionais e pessoais!